Igreja Católica Apostólica Romana

Obra que mescla cultura e fé, de autoria do padre Emílio Bortolini, será lançada neste sábado

Projeto concorre em duas categoria ao Livro Guinness dos Recordes.

Capa do Livro com antigos jogadores do Iguaçu. O título da obra traz o formato de uma cruz.

Neste sábado, 24, acontecerá o lançamento do projeto multi-cultural “Onze por todos, todos por onze”, composto de um livro, 2 CDs e um DVD. A obra que é de autoria do padre Emílio Bortolini, pároco na cidade de Porto Vitória, terá seu lançamento no Salão da Paróquia N.S. do Rocio, em União da Vitória-PR, às 20h, durante o Bingo do Iguaçu. Todo o lucro das vendas do Livro/CD/DVD será repassado ao time. O projeto concorre também a uma vaga no Livro Guinness dos Recordes, que pode acontecer em duas categorias: maior homenagem cultural a um time e a uma cidade, e maior encarte de CD (livro de 120 páginas).

Depois de quase 10 anos inativa, a Associação Atlética Iguaçu, de União da Vitória-PR está lutando para voltar às competições. Mas antes mesmo de entrar em campo, o time já conseguiu a vitória de inspirar um de seus torcedores a fazer um projeto multi-cultural.

Iguaçuano desde a infância, padre Emílio fez Mestrado em Espiritualidade em Roma, e nesta obra une a Fé ao Futebol, além do amor pelas cidade gêmeas.  A obra é composta por 26 canções falando sobre as cidades gêmeas de União da Vitória-PR e Porto União-SC e o time de futebol que une as duas: Associação Atlética Iguaçu.

Tendo levado um mês para escrever e gravar, e um ano para organizar toda a obra, padre Emílio diz que o texto traz um estilo de Leitura Orante, como se faz para a leitura da Bíblia, e dedica sua inspiração em duas pessoas por quem tem grande admiração. “Certo dia conversei com o sábio e genial D. Bernardo Bonowitz, OCSO, Abade do Mosteiro Trapista N. S. do Novo Mundo, em Campo do Tenente, sobre um método da leitura da Bíblia chamado ‘Lectio Divina’ (normalmente traduzido por Leitura Orante), que reza à partir do texto. Nossa conversa girou em torno da possibilidade de fazer o mesmo com outros textos e também com outras realidades, como a Natureza, a Arte, a História, o mundo como um todo. Baseado nisso, e inspirado por meu grande mestre D. Paolo Martinelli (meu professor em Roma, hoje bispo auxiliar em Milão) e pelos textos da Escola de S, Vitor (corrente Francesa de espiritualidade, do século XII) elaborei um método de Leitura Orante, que chamo de ‘Óculos, Pontes e Escadas’, cujo ponto de partida pode ser qualquer coisa, trilhando um caminho que passa pela vida humana em suas mais diversas situações e culmina em Deus”, escreve padre Emílio, na Introdução de sua obra.

Foto que ilustra a contracapa do primeiro CD. No centro padre Emílio, com dois ex-jogadores do Iguaçu. À esquerda, Belga, jogador dos anos 70 à anos 80. À direita Luizinho Cruz, jogador dos anos 80 à 90.

Tendo aplicado esse método em diversos assuntos, o padre explica que se sentiu intimidado quando pensou em fazer isso ao assunto do futebol. “Já apliquei esse método ao Município de Porto Vitória, onde moro, num projeto que será lançado em breve, com 3 CDs, um DVD  e um livro. Por isso, quando essas canções começara a surgir, preguntei a mim mesmo:  será que eu conseguiria aplicar meu método a um time de futebol’? Confesso que a falta de referências me intimidou um pouco, afinal, até onde sei, isso nunca foi feito, mas acabei gostando do desafio e me lancei ‘por mares nunca dantes’, como diria Camões”, completa o padre, no texto introdutório do seu Livro. 

Os dois CDs apresentam canções nos estilos Rock, Blues, Pop, enquanto o DVD contém clipes com belas imagens do time e das cidades e o livro apresenta comentários conectando as canções à vida cotidiana e à experiência espiritual.

O primeiro CD traz 11 músicas sobre o Iguaçu e o futebol, intercaladas por uma narração de jogo, que apresenta os títulos das músicas como se fossem nomes dos jogadores.

O segundo CD trata da história, natureza e cultura das cidades gêmeas de União da Vitória-PR e Porto União-SC. Dessa vez, as músicas são intercaladas com narrações de um City Tour, que cita os nomes das músicas como se fossem pontos turísticos.

Curiosamente, os dois CDs tem cerca de 45 minutos cada, sendo apresentados como dois tempos de um jogo de futebol, com direito a acréscimos, que são as faixas bônus, e a um prorrogação com pênaltys, que é o DVD, que traz 10 videoclipes com belas imagens do time e das cidades.

No total, o projeto oferece 26 canções inéditas, todas compostas, arranjadas e produzidas pelo Padre Emílio, que também tocou todos os instrumentos, mas chamou amigos para fazer duetos.

Mas talvez a parte mais interessante seja o livro, que apresenta comentários divididos em 3 partes: Óculos, que explicita o assunto tratado em si, Pontes, que conecta a primeira parte com a vida cotidiana, e Escadas, que, partindo dos dois primeiros, leva a uma experiência espiritual, que nos faz olhar com outros olhos não só para o Futebol como para o mundo que nos cerca, apresentando uma beleza, um sentido e um sabor que normalmente não percebemos.

Postagem: Pascom Diocesana
Informações: Pe. Emílio Bortolini

FOTO

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.