Igreja Católica Apostólica Romana

Crianças cristãs defendem o valor da vida

No mês em que a vida ganha um forte destaque com o nascimento do Menino Deus, que traz à humanidade vida e vida em Plenitude, crianças da catequese em sua sinceridade e simplicidade falam sobre o valor da vida humana.

Ana Vitória Aguiar Stanski – 11 anos
Infância e Adolescência Missionária
4º volume da catequese
São João do Triunfo

Às vezes eu paro um pouco e penso: Deus é tão maravilhoso, ele quer sempre o nosso bem. E por que pessoas não aceitam o dom que Deus dá de gerar uma vida dentro de si? Deus não dá aquilo que não somos capazes de carregar.

Muitas mulheres falam: – o corpo é meu, não quero estragar, ou, eu mando nele.

Mas o ser que ela gera, não pertence a ela, ela não tem direito sobre a vida dele, ele é de Deus. Deus nos dá livre arbítrio de tomarmos nossas decisões, mas abortar uma criança, destruindo uma vida entristece a Deus, porque podemos tudo, mas, nem tudo nos convém.

Eu luto pela vida, pois sou criança cristã em defesa da vida.

—————————————————————————————

Joeverson Cardoso – 12 anos
Infância e adolescência Missionária
4º volume da catequese

Ao invés de pensarmos apenas em nós, devemos pensar na vida da pessoa que está para vir. Um ser humano tem que ser gentil e bondoso com o outro. E porque não pensarmos um pouco que nossa vida fica melhor com mais alguém?

Quando pensamos em acabar com a vida de alguém que está sofrendo estamos cometendo um crime, porque a vida é um dom de Deus. Então, antes de falar – desliguem os aparelhos! Pense bem. Aquela vida é igual a sua e só Deus tem direito em dar ou recolher uma vida.

—————————————————————————-

Ana Gabriely – 12 anos
 4º volume da catequese

 

Aborto: Por favor, não façam isso, pois vocês estão tirando a vida de alguém que não tem como se defender.

Violência: Você que faz o mal ou agride alguém, não faça isso! Toda pessoa tem o mesmo direito. Não devemos fazer ao próximo o que não desejamos que nos façam.

 

——————————————————————————

Aghata mirella Teixeira – 12 anos
Infância e Adolescência Missionária
4º volume da catequese

Sobre a eutanásia, penso que não devemos tirar a vida de uma pessoa. Somente Deus tem poder sobre ela, e ele zela pela vida de seus filhos.

Sobre o aborto, penso que desde a concepção, todo ser tem os mesmo direitos, assim como nós.

A violência não é um remédio. Nosso dever é amar e respeitar ao próximo, como Cristo nos amou e nos ensinou.

——————————————————————————————

Maria Luiza Magnini de Paula Prince – 12 anos
Infância e adolescência missionária
4º volume da catequese

Sou contra o aborto, a eutanásia ou qualquer tipo de violência. Ninguém pode decidir sobre a vida de outra pessoa. Sobre os que cuidam de uma pessoa em coma, sempre devem ter fé, pois Deus é surpreendente.

A violência não é legal, não ganhamos nada prejudicando ou fazendo mal a alguém.  Não cometa bulling ou qualquer tipo de agressão. Pois isso não agrada a Deus

——————————————————————————

Rafael Bacil Barbisan – 12 anos
4º volume da catequese

Deus nos deu a vida, temos que aproveitá-la, não devemos tirar nossa vida, nem a dos outros; não devemos usar drogas, não devemos praticar o aborto, nem a eutanásia ou qualquer tipo de violência contra a vida humana.

Deus nos deu Jesus, que doou sua própria vida por amor à nossa.

 

Informações: IAM – Par. São João Batista – S.J.T
Postagem: Pascom Diocesana

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

*