Igreja Católica Apostólica Romana

JMJ: 13 Razões porque ela é aguardada mais que a Final da Copa do Mundo

Na próxima terça-feira, 22, tem início o maior encontro de Jovens com o Papa. A Jornada Mundial da Juventude (JMJ) acontecerá neste ano no Panamá, e irá até o dia 27 de janeiro. Além de momento de reavivar a fé da juventude, a Jornada traz a oportunidade para que todos os participantes, desde leigos até religiosos possam assumir e reavivar sua vocação. 
                                                               Logo Oficial da JMJ Panamá 2019.
No Sínodo dos Bispos realizado em Roma em 2018 que teve como tema a Juventude, o papa Francisco enfatizava a importância dos jovens exercitar a escuta e assumir com coragem os valores cristãos. “É fundamental ter uma atitude de escuta, e vale a pena nadar contra a corrente e vincular-se aos grandes valores: a família, a fidelidade, o amor, a fé, o sacrifício, o serviço, a vida eterna”, exortou Francisco.

Em vídeo nos últimos meses, o Santo Padre transmitiu sua mensagem aos jovens que se dirigirão ao Panamá nesses próximos dias para a 34ª Jornada Mundial da Juventude, a qual terá como tema a resposta da Virgem Maria ao chamado de Deus: “Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a Tua Palavra” (Lc. 1,38). Assista.

As inscrições antecipadas com alojamento para a JMJ no Panamá, seguem abertas até o dia 17 de janeiro. Depois disso, é possível fazer a inscrição na Universidad Católica Santa María la Antigua (USMA), na Cidade do Panamá, porém sem a opção de pacote com hospedagem. Clique aqui e saiba mais.
Entre diversos assuntos e conteúdos destacados no Site Oficial da JMJ Panamá 2019, destaca-se:
13 razões porque a JMJ é mais aguardada do que a final da Copa do Mundo
1) Porque é o encontro do Papa com os jovens
O objetivo principal da Jornada Mundial da Juventude é proporcionar um encontro único e especial entre o Santo Padre e os jovens do mundo inteiro. Claro que ainda é possível encontrar-se com o Sumo Pontífice em peregrinação ao Vaticano ou em uma de suas viagens internacionais. Porém, na JMJ, os jovens são os protagonistas deste encontro e podem viver muitos momentos especiais com o pontífice, como as reflexões da Via Sacra e adoração ao Santíssimo Sacramento.
2) Porque nos sentimos em família com a Igreja do mundo todo
Poucos eventos no mundo reúnem participantes de tantos países como a JMJ. A edição de 2019 já registra a inscrição de peregrinos de 150 nacionalidades. Juntos, cada qual com suas bandeiras e sotaques, rezamos, cantamos, dançamos, celebramos a Santa Missa, e damos um testemunho de amor e acolhida.
3) Porque trocamos presentes do mundo inteiro
Umas das tradições da JMJ é trocar lembrancinhas e brindes com peregrinos de outros países. Por isso, não esqueça de levar algo para a Jornada, inclusive para agradar a sua família de acolhida.
4) Porque conhecemos novas culturas
Cada peregrino traz para a Jornada Mundial da Juventude um pouco de si e da cultura de onde vive. Nela, podemos conhecer pessoas de realidades diferentes, trocar experiência e ampliar a nossa visão de mundo.
5) Porque somos acolhidos por famílias e pela Igreja local
Participar da JMJ fazer uma imersão na cultura e religiosidade local, especialmente ao participar dos Dias nas Dioceses, quando os peregrinos podem visitar outras regiões (e até outro país, como a Costa Rica na JMJ 2019) e participar de atividades locais antes do evento.
6) Porque podemos discernir a nossa vocação
Não são poucas as histórias de pessoas que discerniram a sua vocação em uma JMJ e iniciaram seu caminho em seminários e conventos depois. Outros conheceram aquela pessoa especial e formam famílias. E ainda há freiras, sacerdotes e bispos que renovaram o seu “sim” ao realizar essa experiência. 
7) Porque podemos testemunhar a nossa fé
Quem já participou de uma JMJ sabe a beleza de ver uma rua lotada de alegres peregrinos, carregando cruzes e terços, a cantar canções sobre o que vivemos e acreditamos. Em muitos lugares do mundo, testemunhar publicamente a fé católica é motivo de perseguições. Entretanto, na JMJ, somos livres para expressar nosso amor por Jesus e Sua Igreja.
8) Porque nos aprofundamos no Mistério de Cristo e de Sua Igreja
A viagem para participar de uma JMJ tem um sentido mais espiritual do que turístico, não por acaso o participante é chamado de “peregrino”. Muitos jovens iniciam essa peregrinação ainda em suas igrejas locais e experimentam desde então a unidade e a força da Igreja. Também vivem uma experiência íntima com Cristo e o chamado de amor que Ele faz a cada um de nós.
9) Porque os “perrengues” viram histórias inesquecíveis
Os melhores momentos vividos em uma Jornada são os que provem de situações inesperadas. São histórias de quem sofreu horas em filas mas fez ali amigos. Ou pegou uma rua errada a caminho de um Ato Central e se surpreendeu com o pontífice no papamóvel a acenar bem a sua frente. Ou ainda viveu um dos momentos mais inesquecíveis das Jornadas recentes, quando uma tempestade atingiu o campo de Cuatro Vientos, em Madri, em 2011, durante a Vigília. Papa Bento XVI permaneceu no local com os jovens em adoração ao Santíssimo Sacramento. Foi incrível!
10) Porque sentimos a presença de Deus
Seja na rua a caminhar pela cidade, seja em momentos com o Papa, seja em uma das igrejas ou capelas de adoração, seja nos eventos artísticos e culturais, é possível perceber Deus e Seu amor. 
11) Porque conhecemos novos artistas
O Festival da Juventude reúne artistas de várias partes do mundo. São concertos, exposições, apresentações de dança e exibições de filmes para todos os gostos!
12) Porque fazemos amigos para toda a vida
Não há distância que separe dois corações unidos pela JMJ. As amizades que fazemos nesta semana conseguem sobreviver também ao tempo. A cada Jornada, temos a chance de reencontrar amigos e conhecer mais pessoas.
13) Porque voltamos diferentes para casa
Quando voltamos para casa, não somos os mesmos. A JMJ amplia nossa visão de mundo, derruba preconceitos, abre o nosso coração para as necessidades do outro, motiva-nos a mudar a nossa vida e mudar o mundo. 

Vídeo Oficial da JMJ PANAMÁ 2019.

Postagem: Pascom Diocesana
Fonte: Site Oficial JMJ Panamá 2019.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

*