Igreja Católica Apostólica Romana

Natural de Porto Vitória Irmã Keli assumirá Votos Perpétuos em agosto

"...farei os votos Perpétuos na certeza de que Jesus me ama e quer que eu seja mensageira de seu amor para todas as pessoas”.

Irmã Keli e Madre Felicidade de Lourdes Braga (in memoriam).

Natural de Porto Vitória – PR, filha de Jorge Henrique Maguelniski e de Sônia Maria Diniz, tendo por irmãos Odair José Diniz, Angelita Diniz e Kassio Maguelniski, Keli Celina Maguelniski, 30, religiosa da Congregação das Irmãs Mensageiras do Amor Divino, fará no dia 17 de agosto seus votos perpétuos.

Irmã Keli conta que encontrou sua vocação admirando o trabalho das religiosas no meio do povo, e após ter buscado caminhos em outras Congregações, se identificou com as Irmãs Mensageiras. “Conheci as irmãs Mensageiras na minha diocese de origem, União da Vitória, no Santuário Diocesano Nossa Senhora do Rosário, em Rio Claro do Sul, quando tinha 11 anos. Me encantei com a presença das irmãs no meio do povo. Entrei para o Aspirantado em 2009 e agora farei os votos Perpétuos na certeza de que Jesus me ama e quer que eu seja mensageira de seu amor para todas as pessoas diz ela, contando sua história vocacional.

Segundo a irmã, a escolha pela vida religiosa foi um encantamento em poder viver com mais intensidade uma vida de oração e atividades voltadas à evangelização como fazem as Irmãs. “Escolhi a vida religiosa por ter me encantado com as Irmãs e pela Pessoa de Jesus, desejando segui-lo mais de perto, por meio de uma vida de oração, comunitária e de serviço aos irmãos”, relatou ela.

Áudio Irmã Keli

Irmã Keli e padre Eduardo Moriaty. fundador da Congregação.

Atualmente Irmã Keli reside na cidade de Pindamonhangaba – SP, na comunidade do noviciado da Congregação e onde continuará seus trabalhos após receber os Votos Perpétuos, atuando como auxiliar da mestra de noviças. “Fazer Votos Perpétuos significa que quero viver até o fim os votos que professei, de Castidade; Pobreza e Obediência, servindo a Deus e aos irmãos onde Deus me quiser dentro da vida religiosa”, comenta.

Em entrevista ao Site da Diocese, Keli comentou que para ela a Vida Religiosa tem papel relevante na sociedade atual, porque responde de modo profético aos anseios de valores cristãos, humanos, de família que a sociedade está perdendo. “A Vida Religiosa responde o clamor de Deus a serviço do povo. Estamos inseridas na sociedade representando o Cristo que está atento às necessidades das pessoas, que quer resgatar os valores da família. Ela é o anúncio do amor de Deus e o resgate de toda e qualquer vida ferida, machucada, na sociedade de hoje tão pesada”, explica a Irmã.

Áudio Irmã Keli

Foto do Cartaz de divulgação da Viagem para Aparecida.

A celebração dos Votos Perpétuos acontecerá no dia 17 de agosto, às 18h, na Capela do Seminário Santo Afonso, na cidade de Aparecida – SP.

Um ônibus para o evento sairá em frente à Catedral de União da Vitória, no dia 16 de agosto, às 18h.

O valor da viagem é de R$ 360,00, incluído refeições e uma diária. No roteiro está previsto uma parada no Santuário de Frei Galvão.
_____________________________

Informações: Irmã Vera Alice
Fone: (42) 3522 6210; 9 9999-8115
União da Vitória – PR

 

Texto: Marcelo S. de Lara
Setor de Comunicação
Diocese de União da Vitória

FOTOS

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.