Igreja Católica Apostólica Romana

CNBB pede que igrejas toquem os sinos no Domingo de Páscoa após Consagração a Nossa Senhora de Guadalupe

CELAM E CNBB se unem em ato de Consagração à Nossa Senhora pedindo o fim da Pandemia.

No Domingo de Páscoa, dia 12 de abril, às 14 horas, todas as TVs de inspiração católica, rádios e redes sociais da CNBB estarão em rede para a Consagração da América Latina a Nossa Senhora de Guadalupe. No fim da oração, que dura pouco mais de dez minutos, todas as igrejas tocarão seus sinos, conforme pedido da CNBB aos bispos do Brasil.

                                          Banner de Divulgação da Consagração à Nossa Senhora de Guadalupe. (Imagem CNBB).

 

Essa consagração foi um pedido do Conselho Episcopal Latino-Americano (Celam), que realizará um ato de consagração da América Latina e do Caribe a Nossa Senhora de Guadalupe, Padroeira da América, para “pedir-lhe a saúde e o fim da pandemia, colocando-nos sob seu olhar amoroso nestes momentos difíceis, em que ela pode abrir-nos as portas da esperança”. A iniciativa acontecerá no domingo de Páscoa, 12 de abril, às 12h  (horário local), na Basílica Nacional do México.

Papa Francisco em frene ao quadro de Nossa Senhora de Guadalupe, padroeira da América Latina, e do México. (Imagem Site CNBB).

 

“Ao contemplar a Mãe do verdadeiro Deus por quem se vive, fortaleçamos nossa fé, animemos nossa esperança e nos comprometamos com amor solidário, especialmente com aqueles que hoje experimentam enfermidade, dor, pobreza, solidão, temor e inquietude”, afirma o Celam.

Atendendo ao convite do Celam, de participar deste evento como sinal de união continental, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) também realizará o ato e convoca todos a se unirem aos demais países da América Latina e Caribe, colocando-se aos pés da Bem-Aventurada Virgem Maria, consagrando o Brasil, rogando-lhe a intercessão para que a pandemia causada pelo coronavírus seja superada.

Fonte: Site CNBB Nacional

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.