Igreja Católica Apostólica Romana

Instituto Franciscano responsável pelas ACARDIs completa 19 anos

“Nossa fraternidade franciscana louva a Deus pelo trabalho que Ele colocou diante de nós no cuidado com os idosos, fruto do carisma do Frei Pedrinho que fundou o Instituto da Acardi".

Em pé: Frei Pedrinho, Frei Jorge, Frei Manuel e Frei Agostinho. Agachados: Frei José de Jesus e Frei Francisco.

Com seu início no Bairro da Limeira, em União da Vitória, com apoio na época, de Dom Walter Michael Ebejer, hoje bispo emérito, no dia 27 de julho de 2001, um grupo de religiosos iniciaram o Instituto dos Franciscanos Servos Missionários do Espirito Santo, nome escolhido pelo Frei Manuel (in memorian), assumindo o propósito de Amar e Servir, contemplando o Cristo Ressuscitado nos pobres, como missionários da Boa Nova. Como padroeira o Instituto escolheu Nossa Senhora Mãe da Divina Providência.

Os frades que fizeram parte nos primeiros anos do Instituto foram: Frei Pedrinho Paulino da Silva; Frei Manuel Domingos da Silva; Frei José Raimundo Moreira de Matos; Frei Alberto Manoel de Castro; Frei Edilson de Araújo Silva; Frei Francisco; Frei Jorge Luiz Guedes e Frei Eduardo Aparecido dos Santos.

Logo após a fundação, visando organizar a dimensão social, pastoral e espiritual, os frades nomearam Frei Pedro Paulino da Silva (in memorian) superior do Instituto. “Nossa fraternidade franciscana louva a Deus pelo trabalho que Ele colocou diante de nós no cuidado com os idosos, fruto do carisma do Frei Pedrinho que fundou o Instituto da Acardi. Chegando a 19 anos nós louvamos a Deus por este trabalho. Todos nós estamos envolvidos e queremos expandir para melhor servir ao Reino de Deus nesse serviço tão bonito que Frei Pedrinho deixou e que nós franciscanos exercemos”, agradece Frei José de Jesus, atual superior do Instituto.

Áudio Frei Jesus:

 

Renovação de Votos em 2019. No canto esquerdo padre Frei Jesus, superior e membros do Instituto: Frei Manoedson, Frei Donizete, Frei Heitor e Frei Luiz.

A primeira obra social foi o Abrigo São Francisco (ACARDI I) que nasceu em 02 de fevereiro de 2001. Em relato deixado por Frei Pedro, foram muitas as dificuldades. “Passamos muitas necessidades, mas quando a obra é de Deus, ela vai escrevendo a nossa história. Foi o desejo de Deus que suscitou em nós a alegria dessa fundação. No início passamos provações, fome e muita necessidades, mas a Divina Providência se fez presente desde aquele dia do meu sim… Me coloquei como um instrumento nas mãos de Deus, sou uma peteca em sua mão, onde ele me joga eu caio com amor”. (Trecho relatado por Frei Pedrinho, em livro histórico da Instituição).

Celebrando seus 19 anos de história, hoje a Comunidade conta com oito frades e um sacerdote. Depois da morte de Frei Pedrinho foi nomeado o Frei José de Jesus como superior do Instituto e presidente das obras sociais ACARDI I e o Abrigo Frei Manuel (ACARDI II). “Vivemos hoje uma nova fase, tanto no Instituto como nas obras sociais, avaliando o que deu certo e deixando o Espirito Santo nos guiar para o que melhor fazer, vivendo bem o nosso carisma”, comenta Manoedson Costa, um dos Frades.

Postagem: Setor de Comunicação
Diocese de União da Vitória – PR

GALERIA DE FOTOS

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.