Igreja Católica Apostólica Romana

Dicas para o Tempo da Quaresma

CONTEXTO:

Ao iniciar o Tempo Quaresmal pode-se fazer a apresentação da Campanha da Fraternidade para a comunidade, colocando em destaque o Cartaz da CF 2018, rezando a oração e fazendo preces de acordo com o lema e o tema da CF deste ano.

COMPROMISSO: Participar dos encontros nos grupos de família.

 Cada ano, a Igreja se une ao mistério de Jesus no deserto, durante quarenta dias – Quaresma -, vivendo um tempo de penitência e austeridade, de conversão pessoal e social, especialmente pelo jejum, a esmola e a oração, conforme o Evangelho de Mateus (Mt 6, 1-6.16-18), proclamado na Quarta-feira de Cinzas, em preparação às festas pascais.

O Tempo compõe cinco Domingos mais o Domingo de Ramos na Paixão do Senhor, que inicia a Semana Santa, também chamada Semana Maior. É este um tempo forte e privilegiado, em que fazemos nosso caminho para a Páscoa, renovando nossa fé e nossos compromissos batismais, cultivando a oração, o amor a Deus e a solidariedade com os irmãos. Tal austeridade deve se manifestar no espaço celebrativo, nos gestos e símbolos, como também no canto, para depois salientar a alegria da ressurreição, que transborda na Páscoa do Senhor:

– A cor roxa, as cinzas e a cruz lembram o caráter penitencial, de conversão;

– O espaço celebrativo deve ser sóbrio, sem ornamentação nem flores no altar;

– Não se recita nem se canta o “Glória”, nem o “Aleluia”, que são aclamações jubilosas, marcadas pela festa e alegria, o que não combina com a Quaresma; É tempo de favorecer o silêncio musical. Por isso, os instrumentos devem acompanhar os cantos de forma discreta, somente para sustentar o canto… um teclado ou um violão apenas, silenciando os demais, para manifestar o caráter penitencial desse tempo. Sua função é apenas “prática”, na medida do necessário, para apoiar o canto.

CANTOS:

Cada tempo litúrgico tem seus cantos próprios; assim também a Quaresma. Cantos que expressem o conteúdo, os temas, a Palavra de Deus, enfim o aspecto do mistério pascal que celebramos. É preciso escolher bem os cantos, que acentuem a conversão, o perdão, a fraternidade e solidariedade, a vida, a luz, inspirados no Evangelho do dia. Mas sempre com os horizontes voltados para a Páscoa de Jesus, mistério central que celebramos em nossas liturgias.

SUGESTÕES DE CANTOS:

“Entrada: “Senhor eis aqui o teu povo”, “Lembra senhor, o teu amor”, “Volta meu povo”, “Senhor tende compaixão”, “Eis o tempo de conversão”, “Alegres vamos à casa do Pai”,”.

Ato Penitencial: “Eu confesso a Deus e vós irmãos”, “Senhor servo de Deus”, “Misericórdia senhor, Misericórdia”, “Coração inquieto”, “Senhor que viestes salvar”, .

Aclamação: “ Louvor a vós ó Cristo”, “Glória a vós ó Cristo”, “Fala senhor”, “Escuta Israel”.

Ofertório:Sê bendito senhor para sempre”, “Queremos oferecer”, “Todo povo sofredor”, “Sabe Senhor”.

Comunhão: ”Eu vim para que todos tenham vida”, “Jesus filho amado do Pai”, “Reconciliai-vos com Deus”, “Ao recebermos senhor”.

Envio:  “Hino da campanha da Fraternidade 2018”.  

Colaboração: Pe. Emerson Gonçalves de Toledo
Assessor da Liturgia
Par. São Mateus – São Mateus do Sul

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

*