Igreja Católica Apostólica Romana

Clero da Diocese realiza retiro anual com monge beneditino

"Desejo que todos possam aproveitar muita da riqueza que cada um traz no coração. Foi isso que tratei pensando no bem que nosso povo merece".

Tradicionalmente todo ano o Clero da Diocese de União da Vitória realiza seu retiro anual com o objetivo de alimentar a vida espiritual, descobrindo as motivações para o chamado sacerdotal que receberam e sentir novamente a missão à qual foram chamados diante do povo.

Padres em momento das colocações dadas por Dom Bento, no espaço de palestras da Casa de Retiros. (Foto: Pe. João Francisco).

 

Neste ano, os padres juntamente com o bispo diocesano se reuniram na Casa de Retiros Madre Josafata Hortachevska, das irmãs Ucraniana, em Ponta Grossa.

O Retiro que aconteceu dos dias 10 a 13 de fevereiro, foi conduzido por Dom Bento de Souza, monge Beneditino, do Mosteiro da Ressurreição, de Ponta Grossa – PR.

Para o padre Sidnei José Reitz, pároco da paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em São Mateus do Sul, o retiro é uma dádiva de Deus, pois oferece um tempo de recolhimentos que no dia a dia das atividades paroquias o padre não consegue ter. “Com a oportunidade do retiro, a correria e a agitação, próprios dos nossos tempos, ficam para traz, e tem lugar o diálogo aberto e franco com Deus e conosco mesmos. Mesmo sabendo que o sucesso do retiro depende do empenho de cada participante, Dom Bento nos ajudou muito com as suas orientações”, testemunhou o padre.

Junto com os outros padres na celebração da missa, no Retiro, no canto direito, sentado, padre Sidnei Reitz após a comunhão.

 

O pregador do Retiro conduziu as colocações na linha da consagração da vida presbiteral, fazendo os retirantes sentirem a eleição gratuita que receberam de Deus no Ministério.

Dom Bento de Souza. Monge Beneditino.

“Ao nos lembrar que Deus livremente nos escolheu para o representar e continuar a sua presença cheia de amor no mundo, Dom Bento recordou que cada um de nós somos outros Cristos e que recebemos para isso uma graça tão especial que cada pessoa que nós encontrarmos pode sair transformada, assim como as pessoas eram transformadas ao encontrar-se com Jesus. Por isso, como frisou o monge, precisamos viver esse estado de vida com alegria, é isto que irá contagiar as pessoas a buscarem também elas amar mais a Deus e Nele depositar toda confiança”, disse padre Sidnei.

Em entrevista ao site da Diocese, Dom Bento, pregador do retiro, desejou que os padres pudessem voltar para suas paróquias conscientes da Graça que receberam e motivados em fazer o povo fazer o encontro com Deus. “A intenção que eu trouxe foi ser um sopro do Espírito Santo. Nós somos portadores de uma graça muito especial. Desejo que todos possam aproveitar muita da riqueza que cada um traz no coração. Foi isso que tratei pensando no bem que nosso povo merece. Nós como Cristo devemos oferecer a possibilidade do encontro com Deus”, partilhou o monge.

Dom Bento:

 

Setor de Comunicação
Diocese de União da Vitória

FOTOS

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.